quinta-feira, 20 de julho de 2017

Vocalista do Linkin Park encontrado morto aos 41 anos

Vocalista da banda Linkin Park, o músico Chester Bennigton (41 anos) foi encontrado morto nesta quinta-feira. Segundo o site de notícias TMZ, o músico estava em sua residência em Palos Verdes Estates, na Califórnia (EUA). 

A informação é de que o cantor se enforcou no local. O TMZ cita fontes policiais para confirmar a informação. O corpo foi encontrado na manhã desta quinta, às 9h (em horário local).

Em entrevistas, Chester já havia falado sobre suicídio anteriormente. O cantor revelou que foi abusado na infância por um homem mais velho. Ele também enfrentava problemas com álcool e drogas. 

Chester era amigo de Chris Cornell, vocalista do Soundgarden, que também se matou neste ano. Na época, Bennington escreveu uma carta sobre a morte do amigo, que nesta quinta (20/7) completaria 53 anos. 

O cantor era casado e tinha seis filhos.

Bennington ficou famoso pelo trabalho no Linkin Park. A banda, formada em 1996, o recrutou em 1999 para assumir o posto de Mark Wakefield. Foi com Chester nos vocais que o grupo se destacou mais e lançou sucessos como In the end e Numb. 

O primeiro disco da banda com Chester Bennington foi Hybrid theory, de 2000. O álbum alcançou a segunda posição na Billboard 200 e recebeu disco de ouro apenas cinco semanas depois do lançamento. 


Correio Braziliense (DF)

Nenhum comentário:

Postar um comentário