quinta-feira, 20 de julho de 2017

Morre Marco Aurélio Garcia, ex-assessor da Presidência do governo Lula

Morreu nesta quinta-feira Marco Aurélio Garcia, 76 anos, ex-assessor para assuntos internacionais da Presidência da República nos governos de Luiz Inácio Lula da Silva. Professor aposentado do Departamento de História da Unicamp, ele foi encontrado morto por volta das 12h desta quinta-feira em sua residência, na Praça da República, em São Paulo. Há suspeita de que ele teria sido vítima de infarto.

Filiado ao PT e um dos pensadores de esquerda no Brasil, foi idealizador do Brics, grupo de países de economia emergente formado por Brasil, Rússia, Índia e China.

Marco Aurélio esteve na semana passada na sede do PT, no ato de solidariedade ao ex-presidente Lula devido à condenação por lavagem de dinheiro e corrupção, no caso do tríplex do Guarujá.

No último congresso do partido, o historiador defendeu que o PT deve ser um partido mais assertivo e com mais disposição de enfrentar os grandes desafios, de esclarecer e mobilizar a sociedade para fazer frente às dificuldades do Brasil.

Disse que as dificuldades do país são enormes e a agenda é ampla, e o que o enfrentamento do desafio não é tarefa de apenas um partido, mas de um conjunto de forças políticas. Para ele, o PT precisa ser um partido unificado, mas não pela via burocrática, e sim do debate

Marco Aurélio Garcia viveu nove anos de exílio no Chile e retornou ao Brasil em 1979. Em entrevista publicada pelo PT em março passado, ele relembrou a história do partido e contou que foi chamado para uma reunião do movimento pela formalização do PT em outubro do mesmo ano. Conheceu ali o ex-presidente Lula, que era metalúrgico no ABC paulista, que se tornou o principal líder do novo partido.

Com informações do Jornal O Globo (Rio)

Nenhum comentário:

Postar um comentário