segunda-feira, 1 de maio de 2017

Preso jovem russo suspeito de ser um dos "curadores" do jogo Baleia Azul

Conhecido como Filipp Lis na Internet, suspeita-se que tinha criado "grupos de morte"

Um jovem russo de 21 anos está detido por ser suspeito de ser um dos curadores e organizadores do fenómeno Baleia Azul, um jogo que incentiva o suicídio e que tem preocupado as autoridades e feito vítimas entre jovens e adolescentes.

A finalidade do jogo Baleia Azul é levar os participantes ao suicídio. Terá surgido na Rússia e os alvos são sobretudo jovens e adolescentes que recebem mensagens dos "curadores" nas redes sociais. Existem cerca de 50 desafios, sendo o último o suicídio. A partir do momento em que se entra no jogo, os jovens são controlados pelo curador, que dá ordens e incita os jovens a participarem no jogo fazendo ameaças.

Philipp Budeikin foi detido a 14 de novembro de 2016. Na mesma altura, outras dez pessoas foram detidas e questionadas na qualidade de testemunhas e libertadas, refere a Radio Free Europe.

Conhecido na internet e nas redes sociais como Filipp Lis, o jovem foi enviado para um hospital em São Petersburgo, de acordo com o jornal russo Pravda. Após exames psicológicos e psiquiátricos, foi considerado imputável.

Budeikin é suspeito de ser um dos organizadores dos chamados "grupos de morte" e de suicídio nas redes sociais, como o jogo Baleia Azul.

As autoridades suspeitam que o jogo Baleia Azul surgiu na rede social russa VKontakte, o equivalente ao Facebook na Rússia.

Diário de Notícias (Portugal)

Nenhum comentário:

Postar um comentário