sexta-feira, 12 de maio de 2017

Morre ator e diretor Henrique Celibi

O ator e diretor Henrique Celibi, de 53 anos, morreu nesta quinta-feira (11) após ter se acidentado em casa. Um corte profundo na perna ocasionou uma forte hemorragia e o ator não resistiu a duas paradas cardíacas quando estava sendo socorrido na UPA da PE-15 em Olinda, ainda na madrugada desta quinta. O enterro está marcado para esta sexta (12) às 16h no Cemitério de Santo Amaro, no Centro do Recife. E o velório deve começar pela manhã, assim que o Instituto de Medicina Legal liberar o corpo. 

Celibi começou a carreira ainda na adolescência, quando integrou o Grupo de Teatro Vivencial, na década de 1970, que inspirou o filme Tatuagem, de Hilton Lacerda. Seu trabalho mais popularmente conhecido foi quando escreveu e dirigiu a peça Cinderela, a História que Sua Mãe não Contou, que estreou em 1991 (no elenco estavam Jeison Wallace, Edilson Rygaard, Paulo de Pontes e grande elenco). Ele também tinha talento artístico para, através da reciclagem, criar fantasias, “transformar lixo em luxo”, dizia. Esse talento o levou a trabalhar em escolas de samba no Rio de Janeiro.

Um de seus últimos trabalhos foi a peça Cabaré Diversiones, que tinha como objetivo reviver o desbunde do Vivencial. Seu último trabalho foi a peça As Perucas de Bibi, que estreou no Teatro Apolo em abril.

O também ator e diretor Oséas Borba Neto fez um poema em homenagem a Celibi:

O PALCO SILENCIA

Hoje a arte está de luto.
O sorriso fácil não será mais ouvido.
E o talento que tanto encantou...
Hoje se retira da cena de forma brusca.

Da arte do Vivencial surgiu o talento.
Que nos palcos e na Sapucaí encantou.
Com seus textos
Com seus figurinos.
Com seus adereços
Com sua direção
A luz da ribalta hoje se apagou.

Um profissional como poucos.
Uma alegria que encantava.
E um ser humano iluminado...
Que de todos se diferenciava.

Muito aprendi
Muito admirei
Muito celebrei
E você Celibi... Não esquecerei.
Amigo... Vai na paz e na luz...
Porque hoje... A arte te reverencia.


Oséas Borba Neto



Assista a seguir o vídeo de uma de suas mais recentes apresentações:


video



Nenhum comentário:

Postar um comentário