segunda-feira, 15 de maio de 2017

Mobilização para Refinaria contratar mão-de-obra local

Manifestantes ligados ao Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias de Construção de Estradas, Pavimentação e Obras de Terraplenagem em Geral de Pernambuco (Sintepav-PE) fizeram uma manifestação, na manhã desta segunda-feira (15), em frente à Agência do Trabalho do Cabo de Santo Agostinho, no na região metropolitana, contra a contratação de mão de obra de outros estados para trabalhar nas obras da Refinaria Abreu e Lima (Rnest), que fica no Complexo Portuário e Industrial de Suape.

De acordo com Rogério Rocha, diretor do Sintepav, a empresa responsável pela engenharia e montagem industrial da Unidade de Abatimento de Emissões (SNOx) não está priorizando a mão de obra de Pernambuco. "Havia uma cláusula no contrato prevendo a contratação de quem mora no estado, mas a empresa decidiu importar a mão de obra. Não vamos aceitar, porque não é justo deixar que venha gente de fora quando há milhares de desempregados aqui", afirmou. O relato é do G1.

Em 2016, cerca de cinco mil pessoas se reuniram no centro do Cabo de Santo Agostinho para entregar currículos à mesma empresa alvo do protesto nesta segunda. A movimentação aconteceu após informação do Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias de Construção de Estradas, Pavimentação e Obras de Terraplenagem em Geral no Estado de Pernambuco (Sintepav-PE), de que empresas sediadas em Suape deveria

Portal Brasil 247

Nenhum comentário:

Postar um comentário