quarta-feira, 31 de maio de 2017

Documentário sobre a cartunista Laerte estreia no Netflix

O primeiro documentário da Netflix original do Brasil é imperdível. Trata-se de "Laerte-se", um filme sobre a famosa cartunista que se assumiu como transexual em 2010. Em sua produção artística e em sua atuação política, ela tem colaborado para dar visibilidade a questões até pouco tempo atrás consideradas um tabu, como as discussões de gênero e sexualidade.

Dirigido por Lygia Barbosa e Eliane Brum, o filme se constrói a partir de depoimentos concedidos na casa da própria cartunista e de cenas de seu cotidiano. Laerte fala sobre a convivência com os pais e com os filhos, conta como foi a descoberta de ser trans e reflete principalmente sobre a sua relação com o próprio corpo.

A trajetória de Laerte Coutinho é marcada pela atuação política, já que, na época da ditadura, colaborou com jornais sindicais e com a imprensa alternativa. Até hoje seus quadrinhos apresentam conteúdos bastante críticos, com engajamento social e reflexões filosóficas variadas. Não apenas seu traço, mas seu próprio corpo tornou-se símbolo de questionamento às imposições da sociedade e de luta por respeito e igualdade.

Acho que todos temos muito a aprender com ela. Por isso, assista ao documentário e Laerte-se você também!



Brasil de Fato

Nenhum comentário:

Postar um comentário