sexta-feira, 19 de maio de 2017

Curitiba recebe Marcha pela Diversidade no dia 21

Pela segunda vez na história, Curitiba terá uma Marcha pela Diversidade em defesa dos direitos de lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais. A marcha acontece no domingo (21) e encerra a Semana da Diversidade, organizada pelo Grupo Dignidade, Transgrupo Marcela Prado e UNA LGBT. A data da marcha foi escolhida pela proximidade com o Dia Internacional contra a Homofobia e a Transfobia, celebrado no dia 17 de maio. 

A partir das 13h30, os participantes vão se concentrar na praça Santos Andrade, no centro da capital. A marcha começa na rua João Negrão e segue em direção à praça Zacarias pela avenida Marechal Deodoro. O encerramento será na avenida Luiz Xavier, próximo ao relógio da Boca Maldita, no calçadão da rua XV. 

Vigília 

Na quarta-feira (17), a Associação Paranaense da Parada da Diversidade LGBTI e o Dom da Terra AfroLGBT organizaram um dos eventos mais importantes da Semana da Diversidade 2017: uma vigília em solidariedade às vítimas da LGBTfobia no Brasil, na Chechênia e na Rússia. Os manifestantes levaram faixas e cartazes à escadaria do prédio histórico da UFPR, na praça Santos Andrade, e expuseram dados alarmantes sobre a homofobia e à violência de gênero em cada país. 

O Brasil é o país que mais mata travestis e transexuais no mundo. A cada 25 horas, um LGBT é assassinado. 

Curitiba tem um setor da polícia especializado em atender vítimas de racismo, homofobia, xenofobia e outras formas de discriminação. Desde novembro de 2016, o Setor de Atendimento ao Vulnerável funciona dentro da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) da Polícia Civil. 

Brasil de Fato

Nenhum comentário:

Postar um comentário