sábado, 1 de abril de 2017

Líder da Juventude Liberal é morto durante protestos no Paraguai

O presidente da Juventude Liberal do distrito de La Colmena, Rodrigo Quintana, de 25 anos, foi morto com um tiro na cabeça, nesta sexta-feira, 31, durante os protestos violentos que tomaram o centro de Assunção. Segundo o site de notícias paraguaias ABC Color, o disparo teria sido disparado por um policial.

Autoridades locais afirmam que o rapaz foi atingido após a polícia invadir a sede do Partido Liberal Radical Autêntico (PLRA), na capital paraguaia. Ele foi encaminhado a um hospital da região, mas não resistiu aos ferimentos.

Após protestos e incêndio no Congresso, o presidente Horacio Cartes pediu calma aos paraguaios. Ele divulgou um comunicado na noite desta sexta-feira em que pede aos cidadãos que mantenham a tranquilidade e que "não se deixem levar por aqueles que há meses vem anunciando atos de violência e derramamento de sangue".

Presidente do Partido Colorado, Pedro Alliana, convocou o Comitê Executivo do partido para uma reunião de emergência, na manhã deste sábado, para discutir os protestos violentos que ocorreram na sexta-feira. O Congresso paraguaio amanheceu com carros queimados e muitos vidros quebrados nos arredores. Ainda de acordo com o site de notícias paraguaias ABC Color, o objetivo do encontro é analisar o confronto entre a polícia e os manifestantes que se opõem a reeleição presidencial por meio de emenda constitucional.

Estadão (SP)

Nenhum comentário:

Postar um comentário