quinta-feira, 2 de março de 2017

China investe em turismo rural para combater pobreza

A China anunciou, nesta quarta-feira (1º), várias medidas para desenvolver o turismo em áreas rurais pobres. A ação faz parte da estratégia do país para erradicar a pobreza até 2020. A informação é da Agência Xinhua.

A Administração Nacional de Turismo da China firmou acordos com os bancos de Desenvolvimento Agrícola e Citic para conceder crédito financeiro aos distritos pobres, a fim de construir atrações turísticas.

Entre 2016 e 2020, os distritos pobres com pontos turísticos terão infraestrutura e instalações de serviço público aprimoradas com o apoio de bancos.

O Banco Citic da China emprestará 200 bilhões de yuans, a moeda oficial chinesa (US$ 29,4 bilhões) para financiar os principais projetos de construção de atrações turísticas em áreas rurais pobres.

A China tirou 12,4 milhões de pessoas da pobreza em 2016, ultrapassando a meta anual, informou na terça-feira (28) o Gabinete do Grupo Dirigente para o Desenvolvimento e Alívio da Pobreza do Conselho de Estado.

"O progresso se deve parcialmente à grande quantidade de recursos financeiros, totalizando mais de 230 bilhões de yuans (cerca de 134 bilhões de reais), marcados pelos orçamentos central e locais", disse Su Guoxia, porta-voz da agência.

Agencia Brasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário