terça-feira, 31 de janeiro de 2017

Zé do Caixão virou evangélico?



Nos últimos dias, uma publicação com fotos do ator e cineasta José Mojica Marins dentro de uma igreja evangélica viralizou nas redes. No post (reproduzido acima), o pastor Erzon Aduviri afirma que o artista, eternizado como o personagem Zé do Caixão, e sua mulher decidiram se batizar na Igreja Adventista do Sétimo Dia, em São Paulo.

Mojica aparece nas fotos ao lado de sua esposa e de pastores da congregação vestindo camisa e calça social – bem diferente do look gótico com capa preta e cartola do Zé do Caixão. Em uma das fotos é possível vê-lo com a mão no peito enquanto recebe uma oração.

Em pouco tempo, a postagem viralizou nas redes e vários usuários do Twitter ficaram espantados com a decisão do cineasta.

Mas a história não é bem essa.

Em entrevista ao #VirouViral, a filha do cineasta, Liz Marins, conhecida como Liz Vamp, esclareceu o que está por trás das fotos: ele apenas acompanhou a esposa na igreja e não se converteu ou se batizou. “Ele é católico não praticante e acompanhou a esposa nesse culto. A esposa dele é religiosa e frequentadora da Igreja Adventista. Ela decidiu se rebatizar porque estava frequentando outra igreja antes”.

O pastor Erzon Aduviri, que, ao anunciar o batismo, pontuou a frase “Louvado seja Deus!”, acabou se desdizendo nos comentários. Disse que não se tratava de uma conversão. Depois de algumas horas, apagou o post.

Procurada, a Igreja Adventista do Sétimo Dia afirmou que ele foi ao culto, porém não houve batismo. “O Zé do Caixão não foi batizado, apenas foi a um culto, como visitante e, em determinado momento, demostrou interesse em conhecer a igreja e estudar a Bíblia. Não houve batismo.”
Revista Veja

Nenhum comentário:

Postar um comentário