segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

Inspetor é preso ao levar celulares, dinheiro e remédios de disfunção erétil para a prisão onde Eike está detido

Um inspetor penitenciário foi preso nesta segunda-feira (30) tentando entrar na Penitenciária Bandeira Stampa, no Complexo Penitenciário de Gericinó, em Bangu, Zona Oeste do Rio, com celulares, dinheiro e remédios para disfunção sexual.

Nelson Rego Lira foi preso por Inspetores de Segurança e Administração Penitenciária da Portaria Unificada com R$ 3,8 mil em espécie, dois celulares, quatro carregadores, sete fones de ouvido, 11 chips, 15 cartelas do medicamento Pramil – proibido no Brasil – e um relógio.

De acordo com a Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), o material foi encontrado quando o inspetor chegava para o plantão e passou pela revista. O caso foi encaminhado para a 34ª DP (Bangu).

Na tarde desta segunda, o empresário Eike Batista foi transferido para a mesma penitenciária em que o agente tentava entrar com os produtos proibidos. O empresário, que era considerado foragido e estava em Nova York, foi preso ao desembarcar no Galeão, pela manhã.
Portal G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário