quinta-feira, 14 de dezembro de 2017

Indústria espera retomada de economia ano que vem

O ano de 2017 não foi fácil para o setor industrial pernambucano. Isso porque, apesar de a expectativa de crescimento ser satisfatória em função do bom desempenho da inflação (2,8%, no acumulado dos últimos 12 meses) e dos juros (7% ao ano – a menor taxa da história), o segmento ainda não viu sua taxa de desemprego arrefecer mesmo diante de uma previsão de crescimento de 0,7% para o Produto Interno Bruto (PIB) do País. A expectativa, contudo, é que o quadro local comece a reagir em 2018, quando se espera que pautas como as das reformas da Previdência e Tributária saiam do papel e a flexibilização das leis trabalhistas comece a fazer efeito na geração de novos empregos.

“Este foi um ano particularmente difícil. Decepcionante, em vários momentos, por conhecidas e múltiplas razões. Entretanto, resistir foi a palavra de ordem do Sistema FIEPE durante todo o ano, em que vimos de perto a queda da economia, a contração da maioria das atividades industriais e o aumento de tributos”, diz o presidente do Sistema FIEPE, Ricardo Essinger, durante evento que reuniu empresários do setor.

Para o presidente, a insegurança jurídica que se estabeleceu no País apareceu também como um impasse, quando empresários, realizadores, produtores de riquezas, pagadores de impostos ficaram à mercê de decisões do Poder Público. “Deixando para nós o ônus da contratação de especialista para desvendar as decisões dos organismos tributários”, ressalta, destacando que os excessos burocráticos também contribuíram para a queda na economia.

“Esse declínio afetou gravemente as entidades associativas, diminuindo contribuições, provocando a revisão de programas e de projetos. A Federação das Indústrias de Pernambuco não passou invulnerável por esse processo”, destaca, reforçando que para equilibrar receitas e despesas foi necessário cortar custos, repercutindo na redução do quadro de funcionários do Sistema. Para se ter ideia, Pernambuco lidera o ranking com o maior índice de desempregados do País (18%).

Em função disso, e graças a uma administração voltada para o controle nas despesas em todos os organismos – FIEPE, SESI, SENAI, IEL e CIEPE –, a Casa da Indústria passou por uma completa reestruturação, ampliando e democratizando os espaços, sequenciando o trabalho de modernização iniciado nas gestões de Armando Monteiro Neto e Jorge Côrte Real. 

Este ano foi crucial para a FIEPE, que realizou encontros e importantes eventos para o setor industrial, como l Encontro da Indústria. Foram mais de 60 expositores participando de rodadas de negócios, palestras, geração de negócios entre expositores e potenciais clientes. Devido ao sucesso da primeira edição, que contou com mais dois mil visitantes e 100 % de satisfação dos expositores presentes, o Encontro se repete em 2018. 

Outro projeto importante foi o Mapeamento das Exportações, diagnóstico essencial para entender como se comportavam as exportações do Estado. A ideia, com isso, era provocar às indústrias a procurarem o mercado internacional. Também com foco na internacionalização, a FIEPE promoveu neste ano o Road Show de Londres, quando industriais locais mergulharam na economia do Reino Unido em busca de novos negócios.

Em capacitação, atendemos mais 3 mil pessoas nos cursos, workshops e seminários na sede e nas regionais, além de termos iniciado um projeto de articulação na área de mercado do Sistema e na área sindical, com apoio da CNI, a fim de promover os serviços do sistema dos sindicatos junto às indústrias do Estado.

Permanente escola de bem-estar social, o SESI também tem sido parceiro e incentivador de expressivas promoções em defesa do meio ambiente, através do Relix, de reciclagem do lixo; e de promoções culturais, criador de bibliotecas virtuais, com parceria internacional. A instituição é atualmente sinônimo de qualidade em soluções em segurança e saúde no trabalho e de capacitação profissional. Este ano, o SESI já realizou cerca de 500 mil atendimentos em saúde e segurança no trabalho, odontologia, atenção médica e ginástica laboral e vida saudável e a previsão para 2018 é de chegar a um milhão de atendimentos.

Já o SENAI, nos últimos anos, se transformou na maior rede escolar privada da educação profissional de Pernambuco. Em nível nacional, lidera o ranking em toda América Latina. Presente em nove municípios, a instituição conta com 11 escolas fixas, quatro móveis, dois Institutos de Tecnologia, um Instituto de Inovação para Tecnologias da Informação e Comunicação, uma Faculdade de Tecnologia e duas novas Unidades em construção em Goiana e Ipojuca.

De 1943 até 2017, qualificou mais 1,5 milhão de pessoas, número superior à população do município do Recife. Neste ano, cerca de 50 mil matrículas foram realizadas e a inserção dos egressos do SENAI, no mercado de trabalho, chega a 64%.

Para o Instituto Euvaldo Lodi (IEL), Essinger conta que está com nova estratégia na reformulação e profissionalização. Em 2018, está programado adotar condições adequadas para que a entidade amplie sua contribuição na preparação das empresas brasileiras com vistas a um ambiente de alta competitividade.


Imprensa FIEPE

Pernambuco assina convênio para ampliação da fábrica da Tigre

O governador Paulo Câmara assinará, nesta sexta-feira (15.12), no Palácio do Campo das Princesas, protocolo com o Grupo Tigre para ratificar a concessão à empresa de benefício de crédito presumido do ICMS e não sujeição à cobrança do ICMS mínimo. O benefício está condicionado à ampliação com nova linha de produtos, já em andamento pela empresa. O Grupo, líder na fabricação de tubos e conexões e um dos maiores provedores de soluções para o setor da construção civil, iniciou, em 2006, a construção da unidade fabril em Pernambuco, no município de Escada, e, atualmente, emprega mais de 300 pessoas.


Secretaria de Imprensa de Pernambuco

Compesa faz balanço do projeto Olinda+Água e explica questões pontuais de falta de água


A Compesa fez um balanço, hoje (14), em uma entrevista coletiva, das obras do Projeto Olinda+Água - o maior programa de abastecimento de água em execução na Região Metropolitana do Recife e que tem como meta a distribuição de água todos os dias em 15 bairros da cidade. No encontro, que aconteceu na sede da empresa, no bairro de Santo Amaro, a diretora Regional Metropolitana da Compesa, Simone Albuquerque, e o gerente de Unidade de Negócios, Reginaldo Lopes, esclareceram a falta de água em algumas ruas dos bairros de Rio Doce, Jardim Atlântico, parte de Casa Caiada e Jardim Fragoso, decorrente da fase de testes do novo sistema implantado na primeira etapa do projeto. Os técnicos da companhia mapearam todas as áreas com dificuldade de abastecimento, a partir das informações dos próprios moradores, e estão trabalhando nas questões pontuais apresentadas para regularizar o fornecimento de água até o dia 15 de janeiro de 2018 (conforme cronograma abaixo).

Nos quatro bairros, foram assentados mais de 40 mil metros de novas tubulações e construído o Centro de Reservação de Perijucã, em Jardim Atlântico, que ampliou a capacidade de armazenamento de dois para 12 milhões de litros de água para atender essa parte da cidade, que já está sendo beneficiada com melhor pressão da água nas torneiras e aumento do tempo de abastecimento. Ainda serão trocados mais 80 mil metros de tubulações em todos os 15 bairros contemplados com o projeto “Essas ações permitirão que o abastecimento da cidade seja regularizado de forma definitiva. Depois das obras estruturadoras, vamos fazer intervenções menores e a substituição das redes secundárias até que tenhamos água todos os dias nos bairros de abrangência do projeto”, informou a diretora. “É preciso muita coragem para realizar uma obra desse porte. A Compesa está qualificando a rede distribuidora em Olinda e interligando as tubulações novas às antigas. Por isso é natural essas intercorrências de falta de água, buracos na rua e eventuais transtornos para a população”, explica. A Compesa disponibilizou um número de telefone específico para atender melhor os clientes dessas áreas: 9 9488.5119 (WhatsApp).

A partir do mapeamento levantado pela companhia, foi estabelecido um cronograma de trabalho e triplicado o número de equipes para atuar somente nas correções e ajustes na rede das ruas que apresentam dificuldade de abastecimento. “Estamos conseguindo colocar mais água na rede, as pressões ficaram mais elevadas e as tubulações antigas existentes, com mais de 50 anos de uso, não suportam e ocorrem os vazamentos. Para realizar o conserto, precisamos fechar o sistema, e isso acaba afetando o cumprimento do calendário”, esclarece o gerente Reginaldo Lopes, acrescentando que Olinda é abastecida por 31 poços e pelos sistemas Alto do Céu, Caixa D’Água e Botafogo, sendo este último, a principal fonte de água do município.


Nova fase do projeto

A segunda etapa do Olinda+Água, que está em andamento, prevê a implantação de 10 mil metros de novas tubulações nos bairros de Ouro Preto (incluindo zona rural), Jatobá, Bairro Novo, parte dos Bultrins e de Jardim Fragoso, além de intervenções nos Reservatórios do Urubu e do Peludo. No o momento, a companhia realiza o assentamento de rede nas ruas Sumaré e Amaraji, nos Bultrins, e nas ruas Cardeal, Canela e Camomila, em Ouro Preto, além da instalação de registros de setorização, interligações de rede e reposição de pavimento também no bairro de Ouro Preto. O Governo Paulo Câmara e Compesa investem R$ 134 milhões no projeto, recursos viabilizados junto ao Banco Mundial (BIRD). A população beneficiada com o projeto corresponde a 56% de Olinda, cerca de 250 mil pessoas. O Olinda+Água iniciou em março de 2016 e será concluído em março de 2021, com todas as etapas finalizadas.

Cronograma de regularização do abastecimento - 1ª etapa do projeto Olinda+Água

*Jardim Atlântico (prazo de conclusão 17 e 18/12) - ruas Maria da Conceição Viana, Alexandre de Carvalho, Eurípedes Lavor Paes Barreto, Jornalista Edson Régis e Catulo da Paixão Cearense

*Jardim Fragoso

(prazo de conclusão 20/12) - ruas Piracicaba, dos Freitas, Pôr do Sol

(prazo de conclusão 15/12) – ruas Álvaro de Holanda Cavalcante, José Trajano Pereira, Cap. Ataúlfo Alves e a Rua Agave.


*Rio Doce:

1ª Etapa (prazo de conclusão 15/12) - todas ruas da área

2ª Etapa (prazo de conclusão 16/12) - ruas das Acácias, Alecrim, Cravo, Girassol e um trecho da Avenida D

3ª Etapa (prazo de conclusão 22/12) - ruas do Azulão, do Pintor, Graúna, Canário do Império, do Chorão e trecho da Avenida Brasil.

4ª e 5ª etapas (prazo de conclusão 20/12) - ruas da Amora, do Dendê, Fruta Pão, Poeta Francisco Sabino, Josué Ferraz Barbosa e Jerônimo de Albuquerque.

Bairros beneficiados com o projeto Olinda+Água: Casa Caiada, Bairro Novo, Bultrins, Jardim Atlântico, Jardim Fragoso, Rio Doce, Varadouro, Carmo, Guadalupe, Santa Tereza, Bonsucesso, Monte, Amaro Branco, Ouro Preto e Jatobá.


Imprensa Compesa

Pernambuco Doce

“Sem açúcar não se compreende o homem do Nordeste.” A frase é do sociólogo Gilberto Freyre que tão bem retratou a nossa civilização do açúcar e a importância de tal matéria-prima para o desenvolvimento e a memória afetiva da sociedade. O projeto “Pernambuco doce: resgatando tradições” visa resgatar a forte ligação pernambucana com a fabricação artesanal de doces e derivados bem como o aperfeiçoamento da mão de obra envolvida no processo. A iniciativa do Governo de Pernambuco, por meio da Secretaria da Micro e Pequena Empresa, Trabalho e Qualificação (Sempetq), beneficiará profissionais e microempreendedores dos municípios de Petrolina, Arcoverde e Pesqueira.

O curso Boas Práticas de Manipulação de Alimentos terá uma carga horária de 20h e beneficiará 175 profissionais nos três municípios. “Temos matérias-primas abundantes, empreendedores dispostos a resgatar a tradição pernambucana e a nossa posição de liderança na região”, assegura o secretário Alexandre Valença.

Em Petrolina, as aulas acontecem a partir do dia 18 de dezembro em parceria com o Sindicato da Indústria de Doces e Conservas Alimentícias de Pernambuco (Sinddoces) no Senai localizado na Avenida Monsenhor Ângelo Sampaio, 267, Coab Massangano. O primeiro grupo já está com vagas encerradas, mas em breve haverá novas oportunidades para as próximas turmas. Já os municípios de Arcoverde e Pesqueira têm previsão de início para o primeiro trimestre de 2018.

“O projeto prevê outras fases para fortalecer não apenas o desenvolvimento do funcionário como também da gestão em si com uma capacitação 360 graus onde abordaremos todas as temáticas relevantes tais como formação de preço, marketing e vendas, finalizando com uma rodada de negócios envolvendo toda a potencial rede compradora”, completa a secretária executiva de Planejamento, Monitoramento e Captação de Recursos, Fernanda Dubeux.

Durante o curso, o aluno aprenderá sobre a importância da qualidade dos alimentos e os cuidados necessários na sua manipulação assim como perigos e riscos de contaminação. E mais, entenderá como evitar a intoxicação alimentar e como proceder para realizar a limpeza e sanitização do ambiente. Os estudantes também serão orientados sobre o manejo de resíduos e as resoluções RDC 216/04 e 271/02.

Informações e inscrições: www.sempetq.pe.gov.br ou (81) 3184-7867/3184-7865/ 31884.7880

Imprensa Sempetq PE

LBV faz entrega de cestas de alimentos

Enfim, chegou dezembro — e, com ele, mais um Natal. Neste mês a Legião da Boa Vontade realiza, a entrega de cestas de alimentos às famílias em situação de vulnerabilidade social atendidas por ela ao longo do ano e às amparadas por organizações parceiras. A campanha Natal Permanente da LBV — Jesus, o Pão Nosso de cada dia!, visa proporcionar a essas famílias um Natal sem fome, digno e feliz.

Em Pernambuco, a Caravana da Boa Vontade, iniciou as entregas na Zona Rural dos municípios de Arcoverde, Buíque, Pedra, Venturosa e Tupanatinga, em cada família assistida pela Instituição era percebido a alegria de retornar ao lar, com alimentos para oferecer aos seus filhos um Natal farto e digno.

A família da senhora Cilene Avelino é composta por 5 pessoas, ela reside no sítio Bica na cidade da Pedra, comentou que seu esposo está desempregado por causa da falta de chuva na região, eles sobrevivem de programas sociais e o recurso financeiro não cobre o sustento da família. “A cesta de alimentos da LBV chega em boa hora e temos a certeza de comida na nossa mesa n este Natal”, declarou. 

Em Buíque, a LBV esteve nos sítios Amaro, Xerém, Morro Vermelho, Barreiras, Ferreiros e Catonho. Para a senhora Elza da Silva, moradora no sítio Xerém, declara que a presença da Instituição na região tem contribuído para a melhoria da qualidade de vida de cada família. “A LBV em nossas vidas é uma benção que Deus enviou. A cesta é um presentão para que o nosso Natal seja farto de comida na mesa, agradecemos a todos os colaboradores da LBV para que esse alimento chegue até nós”, agradeceu a senhora Elza da Silva.

Em Venturosa, na Comunidade Grotão, milhares de pessoas foram assistidas pela LBV, entre elas, a família de Aline dos Santos, relatou a equipe de comunicação da Instituição, que trabalha na roça e um dia de trabalho, ganha 30 reais, com isso tem enfrentado muita dificuldade para colocar o alimento na mesa. “Nossa vida é bastante precária, a LBV chega em um momento em que precisamos. E com esse presente da LBV, o Natal da minha família vai ser o melhor que já tivemos, por que está garantida a nossa alimentação”, falou emocionada a mãe Aline.

No município de Tupanatinga, a Instituição, assistiu centenas de famílias dos sítios Sanharó, Serra dos Dé, Serra das Onças, dos Macacos, Boqueirão, entre outros sítios. A senhora Crispiliana Eudócia Barbosa, do sítio Capoeiras, bastante feliz com o presente de Natal da LBV comentou: “Nós agradecemos o apoio da LBV, somos famílias que necessitamos muito, mais temos a certeza que esse ano o nosso Natal será muito mais feliz com esse presente (cesta de alimentos) que recebemos de vocês”, disse.

Na capital pernambucana, dia 21 de dezembro, quinta-feira, às 10h, encerra a mobilização solidária natalina, a LBV entregará para as famílias que ao longo do ano participam diariamente de seus programa socioeducativos. A solenidade de entrega das cestas acontecerá na Sede da LBV, localizada na Rua dos Coelhos, 219 – Coelhos, próximo ao Cais José Mariano. No Estado a Instituição assistiu mais de 2.250 famílias neste Natal.

Para angariar um milhão de quilos de alimentos e distribuí-lo a mais de 50 mil famílias, nas cinco regiões brasileiras, a campanha contou com a adesão de dezenas de artistas, esportistas e personalidades da mídia. As ações e a repercussão dessa mobilização podem ser acompanhadas no site www.lbv.org/natal e nas páginas da Instituição no Facebook, no Instagram e no YouTube, digitando-se o endereço LBV/Brasil.


Com informações da jornalista Vania Besse

Cartilha de Direitos Humanos será lançada em Caruaru nesta sexta


































Nesta sexta-feira (15), a Defensoria Pública do Estado de Pernambuco irá lançar, em Caruaru, a cartilha ‘Construindo Identidades – O processo para alteração de nome e gênero no registro civil de pessoas travestis e transexuais’. O evento irá acontecer na sede da Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos, das 09h às 12h, com acesso gratuito do público. A ação faz parte da programação da campanha ‘15 Dias de Ativismo pelos Direitos Humanos’, promovida pela SDSDH e pela Secretaria de Políticas para Mulheres, ambas, da Prefeitura de Caruaru.

O material foi elaborado pelo Núcleo de Direitos Humanos da Defensoria Pública e é um guia que contém as principais perguntas e respostas sobre o caminho de homens e mulheres trans que desejam dar entrada no processo de mudança do nome civil. A cartilha foi disponibilizada no site da Defensoria Pública de Pernambuco, através do endereço www.defensoria.pe.def.br.

“O guia foi pensado a partir das dúvidas mais frequentes de pessoas que vivenciaram esse processo de alteração do registro civil. A iniciativa da Defensoria é empoderar esse público sobre seus direitos, principalmente os que não têm acesso aos movimentos e grupos organizados”, explicou a coordenadora de Promoção à Diversidade Sexual (LGBT), de Caruaru, Christianny Magalhães.

O lançamento faz parte da Campanha alusiva ao Dia Mundial dos Direitos Humanos, celebrado no último dia 10 de dezembro, que vem sendo realizada pela Prefeitura de Caruaru, através das secretarias.


Secretaria de Imprensa de Caruaru

Economia Solidária certifica 135 alunos na Mata Norte do Estado

O Projeto Integra Economia Solidária da Secretaria da Micro e Pequena Empresa, Trabalho e Qualificação do Governo de Pernambuco (Sempetq) certificou 135 alunos da Mata Norte do Estado no curso de Gestão Básica para Empreendimentos Econômicos Solidários. A entrega dos certificados aconteceu no Centro de Artesanato de Lagoa de Itaenga. As aulas contemplaram alunos dos municípios de Carpina, Chã de Alegria, Feira Nova, Gloria do Goitá, Lagoa do Carro, Lagoa de Itaenga, Paudalho e Tracunhaém. A ação foi realizada através de um convênio com o MTE/SENAES.

"Faço parte de um grupo de artesãs do município de Carpina e adorei participar deste módulo inicial que sem sombra de dúvidas abre muitas portas para nós, principalmente, por nos ensinar a como colocar um preço justo nas mercadorias, como se comportar numa feira, expandir nossos produtos e outros ensinamentos que a Secretaria trouxe para nós neste curso. Sozinha não chegaria a lugar nenhum", comemorou a artesã Ironice Felix, 63 anos, e membro da Associação das Mulheres Artesãs Divina Arte (Amada).

Na ocasião, também foi anunciada a pré-inscrição para o módulo seguinte, onde cada aluno poderá escolher entre os cursos de Artesanato: Processos Produtivos, Artesanato: Gestão do Produto e Artesanato: Gestão do Mercado para os empreendedores do artesanato e para os de agricultura familiar o curso de Agricultura e Agroecologia que vai tratar do beneficiamento e processamento do produto e da prática, manejo e conservação do solo. O segundo módulo não é obrigatório, porém, a proposta é de que os alunos façam a segunda parte do curso para continuar se desenvolvendo enquanto empreendimentos econômicos solidários.

"Estamos dando um foco maior para o artesanato e agricultura familiar aqui na Mata Norte por se tratar de características dessa região. Na questão da agricultura familiar entra a importância do beneficiamento e ampliação do produto orgânico para o mercado. Já para o artesanato, Lagoa de Itaenga conta com um grande Centro de Artesanato que atende toda a região da Mata Norte", destacou a gestora de Apoio à Economia Solidária e ao Empreendedorismo Autônomo da Sempetq, Maria Augusta Amaral.


Imprensa Sempetq PE

Olinda paga 13.º salário nesta sexta-feira

Nesta sexta-feira (15), a Prefeitura de Olinda fará o pagamento da parcela única do 13º salário dos servidores ativos e inativos. Ao todo serão injetados cerca de R$18 milhões, financiados pelos recursos da gestão municipal. A verba já está no caixa da prefeitura e será destinada para o pagamento dos 5.586 servidores ativos e 2.009 inativas.

Após o pagamento da parcela única do 13º salário, a Secretaria da Fazenda e Administração de Olinda se voltará para os preparativos relacionados aos vencimentos do mês de dezembro.

Na programação, que vem sendo respeitada rigorosamente pela gestão municipal desde o início do ano, os primeiros a receber os vencimentos são os aposentados, pensionistas e viúvas. No dia seguinte é a vez do pessoal das secretarias de Educação, Serviços Públicos e da Fazenda e da Administração. Os servidores lotados na Saúde e demais secretarias recebem sempre no último dia útil do mês. Já os temporários têm seus salários depositados no 5º dia útil de cada mês.

Secretaria de Imprensa de Olinda

Isenção de IPVA para motos em Pernambuco

Os proprietários de motocicletas, ciclomotor e motoneta, que possuem o Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) atrasado, terão a oportunidade de regularizar a situação até o dia 28 de dezembro deste ano. Isso porque o governador Paulo Câmara sancionou a lei complementar 376, de 12 de dezembro de 2017, anistiando 100% da multa e juros provenientes do atraso.

Desta forma, o Governo de Pernambuco cria facilidades para que o contribuinte regularize a situação do veículo, saindo da inadimplência, além de garantir a regularização da frota dos veículos pernambucanos. A iniciativa é válida para proprietários com débitos até 30 de novembro de 2017 e que ainda não foram notificados.

O pagamento deve ser feito integral à vista do saldo total devido de IPVA. Se houver algum questionamento administrativo ou judicial em tramitação, o contribuinte precisa desistir do procedimento para ter acesso aos benefícios. Atualmente, Pernambuco conta com quase um milhão de motocicletas emplacadas.

Para regularizar as pendências, o proprietário deverá efetuar o pagamento através de boletos, que são retirados exclusivamente pela internet, no site do Detran-PE (www.detran.pe.gov.br). O valor do débito para pagamento à vista, já dispensados os juros e as multas, estará especificado nos boletos gerados.

TRANSPORTE - Em outro dispositivo publicado hoje, o Governo de Pernambuco reduz pela metade o IPVA de 2018 para veículos de empresas terceirizadas de transporte. Conforme a Lei 16.225/2017, estão contemplados automóveis movidos a diesel, com capacidade para transportar 12 ou mais passageiros e que tenham, no mínimo, 70% de seu faturamento anual composto por serviços de transporte de funcionários para outras empresas. O detalhamento sobre as condições de adesão será publicado posteriormente.

Secretaria de Imprensa de Pernambuco

Brasil fica de fora do Oscar 2018

A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas divulgou nesta quinta-feira (14) a lista de longas-metragens que vão disputar uma indicação na categoria "Melhor Filme Estrangeiro". O Brasil, que concorria com o filme "Bingo: O Rei das Manhãs", de Daniel Rezende, ficou de fora (mais uma vez).

Na lista estão filmes do Chile, Alemanha, Hungria, Israel, Líbano, Rússia, Senegal, África do Sul e Suécia. 

92 países --dentre eles, o Brasil-- concorriam a uma indicação: nove foram escolhidos nessa etapa. A partir de agora, os cinco indicados ao Oscar serão conhecidos em 23 de janeiro de 2018. A cerimônia de premiação está marcada para o dia 4 de março do ano que vem, em Los Angeles.

Em 2017, o vencedor foi o iraniano "O Apartamento", de Asghar Farhadi, que se recusou a participar da cerimônia em protesto contra a proibição instituída pelo presidente norte-americano Donald Trump de que pessoas de vários países, incluindo o Irã, visitassem os EUA.

Portal UOL

Assaí Atacadista abastecido pro fim de ano

O mês de dezembro representa um dos principais períodos de vendas do ano, principalmente por concentrar as comemorações do Natal e do Réveillon. Para este ano, o Assaí Atacadista já preparou os estoques e espera um crescimento de dois dígitos na comparação com o mesmo período do ano passado. A categoria de bebidas como um todo é a grande aposta da rede, que espera um acréscimo de 25% em vendas, com destaque para cervejas, refrigerantes e sucos, que devem crescer 30%. Os panetones também têm grande saída nas lojas de todo o Brasil e o Assaí espera vender este ano 25% mais do que no mesmo período de 2017.

As cestas de Natal, que ainda são boas opções para presentear por conta da variedade de produtos que as compõem, e as frutas da época também devem apresentar um bom desempenho de vendas, crescendo por volta de 20%. Além disso, aves e suínos, que costumam ser as estrelas da ceia e dos almoços de Fim de Ano, também devem crescer, por volta de 15% e 10%, respectivamente. Pescados é outra categoria que merece destaque, especialmente o bacalhau, que costuma ser muito procurado nesta época do ano e, no Assaí, deve apresentar um aumento de vendas de 20%, comparado com o desempenho nesse mesmo período de 2016.

Para garantir as compras de todos os perfis de clientes que frequentam as lojas, o Assaí ainda oferece uma condição diferenciada: o parcelamento de itens sazonais em até três vezes sem juros no cartão de crédito nas compras acima de R$ 100. Entre os produtos participantes estão azeite, bacalhau, cestas de Natal, panetone, frutas secas, aves, bacalhau, pernil, além de bebidas alcoólicas (exceto cervejas) e espumantes. “O Assaí já costuma aceitar cartões de crédito como forma de pagamento em suas lojas, mas a facilidade do parcelamento dos itens sazonais de fim de ano é mais uma maneira de garantir que os pequenos e médios comerciantes abasteçam seus estabelecimentos para atender a demanda do fim de ano, assim como as famílias também podem fazer suas compras em grandes volumes para as festas”, explica Wlamir dos Anjos, Diretor Comercial do Assaí Atacadista.

Festa de Santa Luzia com serviços sociais em Caruaru

Na manhã desta quarta (13), alunos do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, atendidos pelo CRAS Centenário, subiram ao Monte Bom Jesus, em Caruaru, para comemorar o Dia de Santa Luzia.

Eles participaram de uma culminância sócio assistencial com apresentações culturais dos usuários do serviço. O evento aconteceu após a missa, em frente à igrejinha, que, por ser dedicada à santa católica, estava em festa.

Entre os grupos que se apresentaram estava o da Escola Municipal Guiomar Lira, do Bairro Centenário, que levou banda marcial e corpo de balizas. O evento contou também com a participação especial de Marcos Antônio da Silva, o seu ‘Marcos do Pife’, da tradicional Banda de Pífanos Dois Irmãos, do Sítio Carapotós. Ele fez uma participação especial, tocando pífano, junto com uma banda de pífanos formada por alunos atendidos pelo serviço. 

Secretaria de Imprensa de Caruaru

Juntou, trocou!

O Pão de Açúcar comemora o sucesso da ação Juntou & Trocou, lançada em agosto deste ano em comemoração ao aniversário de 58 anos da marca, na qual clientes da rede tiveram a oportunidade de acumular selos nas compras realizadas a cada R$ 20 em compras em troca de facas e utensílios profissionais, assinados pelo chef internacional Jamie Oliver.

Com o fim da promoção, o Pão de Açúcar contabilizou mais de 1 milhão de facas e talheres trocados pelos clientes do programa fidelidade Pão de Açúcar Mais. Além disso, mais de 50 milhões de selos foram distribuídos ao longo da campanha. A ação, encerrada no dia 20/11, contemplou consumidores de todas as lojas Pão de Açúcar e Minuto Pão de Açúcar na Grande São Paulo, Baixada Santista, Vale do Paraíba, e nas regiões Centro-Oeste e Nordeste.

De site novo



O Instituto NET Claro Embratel, responsável pelas iniciativas de responsabilidade social das três marcas, anuncia o lançamento de um portal de conteúdo voltado para as áreas de Educação, Cultura e Cidadania. O novo site permite mais interatividade e engajamento dos visitantes em ações realizadas nas cidades, apresenta os projetos da instituição e ainda traz conteúdos como planos de aula, vídeos e podcasts, além de ferramentas que facilitam a acessibilidade.

Na parte de Educação, é possível acessar planos de aula, matérias e vídeos explicativos que amplificam a experiência educativa. Já na seção de Cultura, os visitantes poderão conhecer os projetos que promovem a inclusão social por meio do conhecimento.

“Temos o papel de colaborar na transformação da sociedade do nosso país a partir de recursos como a internet, que rompe as barreiras do conhecimento. Com o novo site, poderemos impactar e engajar mais pessoas para nos ajudarem na construção de uma sociedade mais justa, mais inclusiva”, explica Daniely Gomeiro, vice-presidente de projetos do Instituto NET Claro Embratel.

Há quase dois anos, a NET, a Claro e a Embratel integraram seus projetos e ações sociais, que são sustentadas por três pilares fundamentais: Educação, Cultura e Cidadania. Entre os principais programas desenvolvidos pelo Instituto está o Educonex@o, que promove a capacitação de professores para o uso das tecnologias digitais, facilitando o processo de ensino e aprendizagem, e faz a doação de internet banda larga para as escolas da rede municipal.

Outros projetos de destaque desenvolvidos pelo Instituto NET Claro Embratel são: o Campus Mobile, que estimula o empreendedorismo ao aproximar o jovem do mercado de trabalho; o NETLAB TV, que busca identificar talentos criativos do setor audiovisual de todo o país e gerar mais oportunidades de negócio, e o Dupla Escola, que possibilita a formação técnico-profissionalizante em telecomunicações em uma instituição de ensino médio pública de modelo integral no Rio de Janeiro.

O novo portal do Instituto NET Claro Embratel pode ser acessada pelo site www.institutonetclaroembratel.org.br

Estado consegue liberação de recursos para tocar obras da Adutora do Agreste

O pedido do governo de Pernambuco para que o Governo Federal liberasse recursos da Emenda da Bancada de Pernambuco para as obras da Adutora do Agreste foi atendido pelo ministério da Integração Nacional. Serão liberados R$ 68,2 milhões. A Emenda de Bancada tem o valor total de R$ 126 milhões.

Secretaria de Imprensa de Pernambuco 

Os oito anos do Hospital Miguel Arraes

O Hospital Miguel Arraes (HMA), em Paulista, comemora oito anos de fundação nesta sexta-feira, dia 15. A data será marcada com um almoço especial para os funcionários, ao meio-dia, seguido do corte de um bolo. A direção do hospital estará disponível, na ocasião, para fazer um balanço do ano de 2017, quando a unidade recebeu mais de 15 mil pacientes em sua Emergência, até o mês de novembro.


SERVIÇO:
O QUE: 8 anos do Hospital Miguel Arraes
QUANDO: 15 de dezembro
HORA: 12h
ONDE: Estrada da Fazendinha, sn, Jaguaribe, na confluência da BR-101 Norte com a PE-15

Com informações da jornalista Iana Gouveia

Conselho ruim reacende o debate: Por que muitas ainda vivem relacionamentos abusivos?



A dançarina Mulher Moranguinho está separada do cantor Naldo Benny após passar por agressões físicas. Benny chegou a fazer um vídeo se dizendo arrependido do que fez, e mesmo surgiram informações de que sua primeira esposa também fora agredida. Pois bem, em meio a mensagens de apoio à Moranguinho, uma mulher deu um "conselho" que de tão absurdo acabou viralizando nas redes sociais. 

Isso reacendeu um debate: Por que as mulheres continuam em relacionamentos abusivos? Será que é por questões econômicas, criação dos filhos, naturalidade em relação a agressões (uma vez que muitos pais e padrastos agem assim com as mães e as meninas observam e acabam absorvendo)... Não se sabe o motivo. 

Mas uma coisa é certa: violência doméstica não é apenas agressão física. Agressões psicológicas, financeiras, humilhações, "piadas", sexo forçado, tudo isso é violência. Mulheres: fujam disso antes que seja tarde demais!

Denuncie os casos de agressão! Ligue 180 !

Existe também a Rede de Atendimento à Mulher e clique no seu estado, para fazer a denúncia.

EUA aprovam regra que acaba com a neutralidade da rede #NetNeutrality

A Comissão Federal de Comunicações dos Estados Unidos (FCC) aprovou nesta quinta-feira uma nova norma sobre a internet que acaba com o conceito de "neutralidade da rede" no país, uma medida garantida por uma regulação feita em 2015.


A maioria republicana no órgão regulador votou a favor da regra que decreta o fim do princípio de "neutralidade da rede", que protegia a internet como um serviço de utilidade pública.


A decisão foi tomada por três votos favoráveis e dois contrários - dos democratas que estão no órgão. Dessa forma, a FCC revogará a regulação defendida pelo então presidente dos EUA, Barack Obama, em 2014, medida que só foi aprovada no ano seguinte.


Na prática, a norma de 2015 impedia que os provedores de internet pudessem bloquear ou desacelerassem o tráfego em sites determinados.


Esse princípio, que buscava garantir o livre acesso à rede, foi eliminada apesar dos múltiplos protestos por parte de democratas, associações de consumidores e alguns republicanos.


Quando a nova regulação começar a ser aplicada, os provedores de internet poderão decidir quais sites serão bloqueados ou terão acesso mais lento, inclusive os de veículos de imprensa ou de divulgação de vídeo.


Os republicanos que fazem parte da FCC argumentam que a decisão põe fim a uma regra que trata com "mão firme" a indústria de provedores de internet diante de "hipotéticos danos".


As duas democratas rebateram os colegas, mostrando as consequências negativas que poderia ter o fim da neutralidade da rede para consumidores e pequenas empresas provedoras de conteúdo.


As opositoras tentaram adiar a votação para avaliar os mais de 22 milhões de comentários feitos à proposta de acabar com a neutralidade na rede. No entanto, pelo menos dois milhões deles foram feitos por perfis falsos, segundo o procurador-geral de Nova York, Eric Schneiderman.


A votação teve que ser suspensa por alguns minutos por motivos de segurança. Paralelamente, manifestações contra a decisão foram registradas na sede da FCC em Washington.


Agência EFE

Ilustração Carlos Latuff

Menina de 2 anos é internada na UTI após engolir pedra de crack

Uma menina de dois anos está internada em estado grave no Hospital Universitário de Maringá (norte do Paraná) depois de ter ingerido uma pedra de crack. De acordo com o Ministério Público do estado (MP-PR), o entorpecente foi encontrado pela criança em cima do sofá de casa. A avó dela é usuária de drogas.

O caso aconteceu na noite de segunda-feira (11/12), em Cidade Gaúcha, no noroeste do Paraná. Segundo a Polícia Civil, a criança foi encontrada por um irmão dela, já passando mal. A menina teve convulsões e chegou a sofrer uma parada cardíaca, mas foi reanimada. Ela está internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

De acordo com o MP-PR, os pais da criança não são usuários de droga. Porém, eles moram nos fundos da casa da avó da menina. O Conselho Tutelar dos Direitos da Criança e do Adolescente irá prestar assistência à família, para prevenir que os outros filhos do casal fiquem expostos a situações de risco.

Portal Metrópoles (DF)

Congresso aprova salário mínimo de R$ 965 para 2018

Aprovada com rapidez pelo Congresso Nacional na noite de quarta-feira (13), a proposta orçamentária de 2018 (PLN 20/2017) é a primeira sob a Emenda Constitucional 95, que instituiu um teto para os gastos públicos. O Orçamento para o ano que vem conta com um crescimento de 2,5% da economia e com um salário mínimo de R$ 965 (o atual é de R$ 937). Os gastos com a Previdência Social ficam em R$ 585 bilhões, enquanto o pagamento com juros da dívida pública alcança R$ 316 bilhões.

Apesar de saudada por parlamentares de todos os partidos pela celeridade — e pelo clima tranquilo — com que foi aprovada pela Comissão Mista de Planos, Orçamentos Públicos e Fiscalização (CMO) e pelo Congresso, a peça orçamentária recebeu duras críticas da oposição em razão dos cortes nos programas sociais.

O projeto vai à sanção prevendo um deficit primário de R$ 157 bilhões para o governo federal no próximo ano. O número é um pouco menor do que os R$ 159 bilhões determinados pela Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO, Lei 13.473/2017) como meta fiscal para o próximo ano.

Por isso o saldo negativo das contas públicas será um pouco inferior ao previsto inicialmente. Para 2017, a meta também é de R$ 159 bilhões. A redução de R$ 2 bilhões é explicada pelo aumento da estimativa da receita primária, que alcançou R$ 4,9 bilhões conforme relatório de receita aprovado pela Comissão Mista de Orçamento. Como o Orçamento da União tem um teto de gastos, não foi possível aproveitar toda a receita extra para elevar as despesas. Assim, a receita subiu e a despesa sujeita ao teto manteve-se praticamente igual, reduzindo o deficit primário.

O relator-geral da proposta orçamentária, deputado Cacá Leão (PP-BA), afirmou que o parecer aprovado, como o primeiro sob o regime de teto de gastos, poderá servir de exemplo aos próximos, principalmente pela dificuldade de encontrar recursos para atender todos que o procuraram, de parlamentares a representantes de entidades civis e órgãos públicos. “A minha margem de manobra foi praticamente nula. Não tive condição de atender nenhum pleito na totalidade” disse Leão.

Apesar da pequena melhora no deficit primário, o número só será atingido se forem aprovadas as propostas do governo que elevam a arrecadação e reduzem as despesas em 2018. Entre elas estão a ampliação da alíquota previdenciária dos servidores públicos (Medida Provisória 805/2017), o aumento do imposto de renda sobre fundos de investimentos fechados (MP 806/2017) e o fim da desoneração da folha de pagamento (Projeto de Lei 8456/2017). Somente essas três medidas representam uma receita de R$ 14 bilhões.

Fundo para campanhas

O Orçamento que sai do Congresso prevê crescimento de 2,5% da economia em 2018, salário mínimo de R$ 965 — aumento nominal de 3% em relação ao atual (R$ 937) — e investimentos públicos (incluindo de estatais) de R$ 112,9 bilhões. Em relação à proposta enviada pelo governo, os investimentos cresceram 14,5% durante a tramitação no Congresso, fruto das emendas de deputados e senadores, que priorizam obras e serviços em seus estados de origem. Em relação ao gasto com pagamento de juros da dívida pública, houve uma redução: a proposta orçamentária prevê R$ 316,2 bilhões; para 2017, o valor autorizado é de R$ 339,5 bilhões.

A proposta reservou R$ 1,716 bilhão para o Fundo Especial de Financiamento de Campanha (FEFC), que vai custear as campanhas partidárias nas eleições gerais de 2018. O FEFC foi instituído pela última minirreforma eleitoral, aprovada em outubro pelo Congresso Nacional, que virou a Lei 13.487/2017.

A lei determina que o fundo deve receber 30% dos recursos destinados às emendas de bancada de execução obrigatória no Orçamento (cerca de R$ 1,31 bilhão) e o montante da compensação fiscal devida às emissoras de rádio e televisão pela cessão de espaço destinado à propaganda partidária e eleitoral gratuita, nos anos de 2016 e 2017, calculada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Como o tribunal ainda não divulgou um número, o relator-geral trabalhou com uma estimativa de R$ 400 milhões, totalizando R$ 1,716 bilhão para o novo fundo. O FEFC foi criado após o Supremo Tribunal Federal (STF) declarar inconstitucionais as normas que permitem doações de empresas para campanhas eleitorais.

Assistência social

Na reta final da votação do parecer de Leão, houve reivindicação de parlamentares para ele elevar recursos para algumas áreas, como as dotações para pesquisas da Embrapa, que receberam mais R$ 14 milhões, totalizando R$ 240 milhões, e para ações de assistência social. Neste último caso, a pressão foi para atender integralmente uma emenda da Comissão de Seguridade Social e Família da Câmara dos Deputados, que destinava R$ 1,5 bilhão para custear Centros de Referência da Assistência Social (Cras).

Estes centros prestam atendimento a famílias instaladas em áreas de maior vulnerabilidade e risco social. O dinheiro federal é repassado para estados e municípios. O relator-geral atendeu parte da emenda (R$ 300 milhões).

A deputada Carmen Zanotto (PPS-SC) disse que entendia a falta de recursos, mas advertiu o governo que será preciso fazer uma suplementação orçamentária ainda no primeiro semestre de 2018, pois o valor atendido não financia as despesas de todo o ano. “Prefeito nenhum e secretário de Assistência Social nenhum vão dar conta dessa política sem mais recursos”.

A senadora Lúcia Vânia (PSB-GO) também alertou para a falta de recursos na assistência social. “Em um período de desemprego tão elevado, precisamos fortalecer a assistência social do país”.

Emendas parlamentares

As emendas individuais de deputados e senadores ao projeto somaram R$ 8,8 bilhões. Cada um dos 594 congressistas pode apresentar R$ 14,8 milhões em emendas. Eles direcionam os recursos para obras e serviços em suas bases eleitorais. Por determinação constitucional, metade do valor das emendas deve ir para ações e serviços públicos de saúde.

Portal Sul 21 (RS)

Chef Paola Carosella ministra curso para pessoas trans em São Paulo

A chef de cozinha Paola Carosella realizou ao longo de três semanas no último mês um curso de gastronomia para 23 travestis, mulheres transexuais e homens trans, em São Paulo. A jurada do Master Chef, da Band, agradeceu a oportunidade.

Após um vídeo com as imagens do curso ser publicado nas redes sociais do Ministério Público do Trabalho, ela escreveu nessa segunda-feira (11): “E quem mais aprendeu de todas e todos fui eu. Obrigado”.

Ao todo foram nove disciplina sobre aptidões básicas do trabalho em uma cozinha de restaurante. Uma oficina de poesia com a poeta, atriz e jornalista Elisa Lucinda e a atriz e diretora Geovana Pires também realizada para desenvolver a comunicação interpessoal e a autoconfiança do grupo.

Revista Forum

Cultivo de maconha para fins medicinais avança no Senado

Avançou nesta quinta-feira (14) no Senado a descriminalização da maconha para fins medicinais. A Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH) aprovou relatório da senadora Marta Suplicy (PMDB-SP) favorável à apresentação de um projeto de lei com esse objetivo.

Marta apresentou um voto em separado na discussão da Sugestão Legislativa (SUG) 25/2017, que trata da descriminalização do cultivo da maconha para uso pessoal. A ideia legislativa, assinada por mais de 20 mil pessoas, foi proposta pelo cidadão Gabriel Henrique Rodrigues de Lima, de São Paulo, no Portal e-Cidadania.

O relator, senador Sérgio Petecão (PSD-AC), apresentou parecer pela rejeição da sugestão. Marta Suplicy reforçou a posição contrária à descriminalização do cultivo da maconha para uso recreativo, mas sugeriu um projeto que permite o cultivo da planta para fins medicinais.

“Quanto ao mérito da ideia legislativa trazida a esta Casa, concordamos com o relator quanto a não descriminalização do cultivo da cannabis sativa para uso recreativo. Todavia, a nosso sentir, já passou da hora de se legalizar o cultivo da maconha para uso terapêutico”, disse a senadora.

Marta será agora a relatora do projeto de lei que também poderá ser encaminhado para outras comissões da Casa.

Outras sugestões

A CDH acatou ainda outras duas sugestões: a SUG 28/2017, que criminaliza a homofobia e propõe punição para pessoas que atacam outras pessoas por serem LGBT; e a SUG 15/2017, que reduz os impostos sobre games dos atuais 72% para 9%.

Ambas as sugestões foram transformadas em projetos de lei. A relatora da SUG 28, Regina Sousa (PT-PI), acatou a ideia e propôs um projeto que altera o Código Penal para punir a discriminação ou preconceito de origem, condição de pessoa idosa ou com deficiência, gênero, sexo, orientação sexual ou identidade de gênero. Já o relator da SUG 15, Telmário Mota (PTB-RR), propôs, em vez da redução da carga tributária, uma proposta de emenda à Constituição instituindo imunidade tributária sobre os consoles e jogos para videogames produzidos no Brasil.

Agência Senado

Bolsonaro promete dar 'carta branca' para a PM matar; OAB/AM repudia "instinto violento"

Em visita marcada pela estreia de um boneco de 12 metros, o presidenciável Jair Bolsonaro prometeu dar "carta branca" para a PM matar, em discurso diante de uma pequena, mas fanática plateia no aeroporto de Manaus, nesta quinta-feira (14).

"Se alguns dizem que quero carta branca pra Polícia Militar matar, eu respondo: 'Quero, sim'", disse, no alto de um carro de som, arrancando aplausos e gritos de "mito, mito".

"Policial que não atira em quem atira nele não é policial. Temos obrigação de dar uma retaguarda jurídica a esses bravos homens", completou Bolsonaro, repetindo uma de suas principais promessas de campanha.

Sobre a Amazônia, o presidenciável prometeu mudar a política ambiental e explorar tanto o subsolo quanto o turismo na região. "É área mais rica do mundo, cobiçada por muitos países", afirmou.

A saída da porta de desembarque foi marcada por um grande empurra-empurra entre algumas centenas de simpatizantes - o chão terminou repleto de sapatos perdidos, principalmente chinelos.

Enquanto esperavam Bolsonaro, os simpatizantes deram gritos de ordem contra a Rede Globo e hostilizaram o deputado estadual Platiny Soares (DEM), o único político presente.

O BONECO

A principal atração foi um boneco inflável do presidenciável instalado no estacionamento do aeroporto. Com dupla face, ele aparece sorridente e vestido com um terno preto.

É a primeira fez que o boneco foi usado. Depois de Manaus, ele começará a circular pelo Brasil, explicou um dos responsáveis pelo boneco, o vice-presidente do Movimento Direita Manaus, Gill Mota, 29.

O administrador de empresas explicou que o custo do boneco, de R$ 15 mil, foi rateado por organizações independentes de sete Estados diferentes, que se revezarão no uso.

No Facebook, o movimento pró-Bolsonaro tem 22,6 mil seguidores. Mota citou militares da reserva e "pais de família" entre os principais integrantes.

O presidenciável ficará por dois dias no Amazonas. A agenda inclui a participação como convidado de honra da cerimônia de formatura da escola militar de ensino médio Colégio Waldocke Fricke de Lyra, administrada pela PM.

O REPÚDIO

A OAB/AM, em ocasião da visita do pré-candidato à cidade de Manaus, emitiu a seguinte nota: 

A Ordem dos Advogados do Brasil – seccional Amazonas (OAB-AM) vem a público repudiar de forma veemente as declarações do Deputado Federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ), durante passagem pela cidade de Manaus, ocorrida nesta quinta-feira (14), quando afirmou que se eleito presidente do Brasil, dará carta branca para policiais militares matarem em serviço

A seccional afirma ser lamentável a declaração do parlamentar, o qual demonstra ter verdadeiro espírito de beligerância e estímulo à violência. Temos a impressão que o mencionado parlamentar não vive no Estado Democrático de Direito pautado numa Constituição Cidadã em que todos nós vivemos!

O partido da OAB é o Brasil e a nossa ideologia é a Constituição!

Marco Aurélio de Lima Choy
Presidente da OAB-AM


Com informações do Notícias ao Minuto e do Correio da Amazônia

El Salvador: mulher alega aborto espontâneo mas é condenada a 30 anos de cadeia

Um tribunal de El Salvador confirmou a sentença de 30 anos de prisão aplicada a uma mulher por homicídio agravado devido à morte do seu recém-nascido. Teodora Vásquez garante que foi um aborto espontâneo e grupos ativistas apontam para irregularidades no julgamento.

Vásquez, agora com 37 anos, foi detida em 2007 depois de o seu recém-nascido ter sido encontrado morto. No ano seguinte foi condenada a 30 anos de prisão por homicídio agravado sendo acusada de ter estrangulado o bebé depois de este ter nascido. No entanto, a mulher diz que, enquanto trabalhava, sofreu dores abdominais intensas e começou a sangrar, tendo chamado a ambulância antes de desmaiar. Quando acordou, estava rodeada de agentes da polícia, que a detiveram, com o argumento de ter provocado o aborto, quando estava na reta final de gestação.

Depois da condenação, os advogados de Vásquez apresentaram um recurso que, 10 anos depois, o tribunal rejeitou mantendo a sentença. O tribunal diz que se baseou nos resultados de uma autópsia que demonstrariam que a mulher asfixiou a criança.

El Salvador é um dos seis países onde o aborto é proibido e a sua prática pode levar a penas de prisão de até oito anos. Mas é frequente que o crime seja alterado para homicídio agravado o que implica uma pena de prisão mínima de 30 anos.

Público (Portugal)

Homem decepa mãos de ex-mulher na Rússia

Um marido cortou as mãos da esposa após descobrir que ela estava trocando mensagens de texto com outro homem. O caso ocorreu em um vilarejo próximo a Moscou, na Rússia, na última segunda-feira (11/12).

Margarita Grachyova, de 25 anos, já havia denunciado o psicólogo Dmitry, de 26 anos, por outros comportamentos violentos. Eles não moravam mais juntos, mas o homem, que recentemente parecia ter se arrependido das suas atitudes e havia parado com as ameaças e os ataques, ofereceu ajudar a levar os filhos para a escola, segundo o Daily Mail.

Ele viu que ela estava trocando mensagens de texto com um colega de trabalho. No caminho de volta, o marido a levou para uma floresta deserta, e cometeu a agressão. Com um machado ele esmagou os dedos da mulher, depois fez um corte na sua cintura e por fim cortou suas mãos. Durante todo o ataque ela permaneceu consciente.

Em seguida, o marido a levou para o hospital e se entregou para a polícia. Antes de cometer o crime, ele mandou uma mensagem para a mãe: “Por favor, me perdoe. Eu não consigo mais viver assim, quando eu estou sendo traído”. Antes de sair do trabalho, também falou para os colegas: “Vocês vão ter notícias de mim logo”.

Os médicos conseguiram costurar uma das mãos de volta, mas ainda não é possível saber se Margarita conseguirá recuperar os movimentos. O outro membro decepado estava tão danificado que não foi possível salvá-lo. Dmitry foi preso preventivamente.

Enquanto estavam juntos, o marido tinha tanta certeza que havia sido traído, que chegou a levar a esposa para fazer um exame em um detector de mentiras. O resultado provou a fidelidade de Margarita, embora Dmitry insistisse que o seu caçula era filho de outro homem.

Em novembro, ele havia tentado atacá-la com uma faca, e ameaçou jogar ácido no seu rosto caso a esposa não desistisse do divórcio. Foi após este episódio que ela saiu de casa.

Portal Metrópoles (DF)

#DeixaElaEmPaz


A cantora, compositora e jornalista Joanah Flor lança, em pleno aniversário, o single "Deixa ela em paz" nesta terça (19) no Bar Burburinho, no Bairro do Recife. A música é uma identidade artística com o empoderamento feminino e tem a participação dos músicos Bruno Lopes (Baixo), Guilherme Eiras (guitarra) e Paulo Bandolim (o nome artístico já diz o instrumento, rs), além dos percussionistas Paguah Percu, Rafael Peixoto e Manuel. O single foi gravado no Fábrica Estúdio.

Serviço:

Aniversário de Joanah Flor e lançamento do single Deixa Ela em Paz
Data: 19 de dezembro de 2017
Hora: 20h
Local: Bar Burburinho (Rua Tomazina, 106, Recife Antigo)
Entrada Franca


Goiás: Deputado e Vereadores querem proibir distribuição de bonecas. O motivo: os brinquedos têm "pipi" e "bumbum"



Todos os anos, a Organização das Voluntárias de Goiás (OVG) em parceria com o Governo do estado realiza a distribuição de brinquedos para crianças carentes dos municípios na época natalina. Em 2017, porém, a entrega está causando polêmica. Isso porque as bonecas e bonecos simulam órgãos genitais feminino e masculino, respectivamente.

Em uma postagem em sua página oficial no Facebook, o deputado e delegado Waldir (PR) fez crítica aos brinquedos. Segundo ele, as bonecas do sexo feminino possuem órgão masculino. Além disso, afirma que os bonecos do sexo masculino estão usando batom.

De acordo com ele, a distribuição incentiva a ideologia de gênero entre as crianças. “Você acha correto que o dinheiro que pagamos de impostos sejam utilizados dessa forma? Mais preocupante ainda é usar dinheiro público para incitar, incentivar a ideologia de gênero dentro de famílias carentes, quebrando a pureza e ingenuidade de nossas crianças”, comentou.

“As famílias Cristãs tem direito de proteger seus filhos ou vão ser doutrinadas agora pela Organização das Voluntárias de Goiás? Pelo Governo do Estado? Quem tem que orientar seus filhos é o Governo do Estado ou os pais? Quem vai reparar esse dano? Vão recolher todos essas armadilhas contra nossas crianças e famílias?”, indagou o deputado.

Nos comentários, alguns usuários aprovaram a crítica do delegado. “Se chegar na minha casa jogo fora. E se ensinar no primário na escola vou atrás de meus direitos? Não aceito e pronto”, disse uma.

“Um absurdo esses brinquedos, esse governador deveria respeitar as famílias a sociedade e principalmente as crianças que são o futuro do nosso país”, escreveu outro.

Houve também opiniões contrárias à crítica de Waldir. “Ter órgão genital é algo normal, não vi nada demais nisso. Horror é o tanto de gente que mora na rua sem ter para onde ir, horror é pessoas matando por nada, horror é padrasto abusando sexualmente dos enteados”, comentou um usuário.

“A maldade de fato está nos olhos de quem vê né. O boneco do sexo masculino não está de batom gente, a coloração da boca é vermelha, para simular a boca de um bebê”, falou um seguidor.

Vereadores - Os bonecos distribuídos pela Organização das Voluntárias de Goiás (OVG) para crianças carentes do estado ainda estão dando o que falar ainda por conta da simulação de órgãos genitais. Em Jataí, um grupo de vereadores enviaram um ofício para o prefeito Vinícius de Cecílio Luz para que haja a proibição da entrega dos brinquedos.

No documento eles referem-se aos bonecos como “genitália masculina transvestida de menina”. O texto aponta que os políticos ficaram sabendo da existência dos brinquedos e pediram para que prefeito da cidade verifique a “veracidade dessa informação”. Mostra ainda que caso seja confirmado, pedem que a distribuição seja proibida.

A OVG se pronunciou por meio de nota que os brinquedos cumprem as exigências técnicas estabelecidas pelos órgãos responsáveis. Foi afirmando também que estes modelos estão disponíveis no mercado por muitas empresas, inclusive de grandes marcas. Além disso, foi informado que a entrega continuará.

Nota Oficial OVG - "A Organização das Voluntárias de Goiás tem a tradição de longos anos de distribuir brinquedos em todos os municípios do estado, e sempre teve a preocupação de entregar presentes de qualidade, dentro das especificações técnicas estabelecidas pelos órgãos de controle. A OVG avaliou amostras de muitas empresas e vários bonecos e bonecas disponíveis no mercado, inclusive de grandes marcas, são assim. Os mesmos bonecos e bonecas (devidamente vestidos) entregues neste Natal já foram distribuídos no ano passado. Neste ano, além das bonecas, a OVG está entregando os seguintes itens: carrinhos tipo Fórmula-1, jogos de dominó, learning pad (brinquedo eletrônico educativo), maletas de pintura, bolas de futebol e de vôlei. A variedade de presentes é uma forma de mais uma vez agradar às crianças dos 246 municípios goianos, não havendo outro objetivo senão presenteá-las".

Diário da Manhã (GO)

Resposta a um "Fucking" convite



Depois de viralizar com um "fucking" convite de formatura, o publicitário e bacharel em Direito, Lucas Jansen, de 23 anos, ganhou a fama, saiu em vários sites, portais, jornais e sua história acabou se problematizando, com muitos se questionando até onde um profissional que consegue se formar em uma instituição superior de ensino pode se queixar ou mesmo zoar das situações passadas em plena faculdade. 

Adicionar legenda
Em meio a isso, o presidente da OAB/PE, Ronnie Duarte (foto ao lado), resolveu escrever uma resposta em seu Facebook:

SOBRE UM CONVITE DE FORMATURA. 


Li atentamente um convite de formatura que “viralizou” há poucos dias na internet. Fui tomado pela lembrança de um sentimento que me invadiu há exatos 21 anos, quando finalmente pude realizar um sonho de infância: colar grau no curso de direito. Recordo-me vivamente da empolgação vivenciada durante os cinco anos passados na faculdade. Lembro-me da inquietação, da ansiedade em poder, ao depois, finalmente exercer a advocacia. Nas escolhas profissionais, jamais fui animado por perspectivas de ganhos significativos. Era motivado, apenas, pela paixão, pela nobreza do ofício e pela perspectiva de poder exercer um protagonismo na administração da justiça aos cidadãos. 

Lembro com saudades dos tempos universitários. Sinto falta dos amigos de outrora. Reverencio os meus mestres, levando comigo uma imorredoura gratidão pelos valiosos ensinamentos recebidos. Encarei as renúncias ao convívio social como algo inerente à responsabilidade que deve recair sobre aqueles que, missionários da justiça, buscam uma formação técnica para defender os direitos alheios, dos cidadãos. Quanto aos exames, sempre os tive como algo absolutamente necessário à verificação da apreensão de conteúdos indispensáveis ao cabedal de um bom profissional do direito. 

Ao fim e ao cabo, fui tomado por um profundo sentimento de pesar pelo emissário do tal convite. Senti pena do jovem bacharel que, almejando apenas a riqueza, fez um curso que para ele foi tido como “desgraçado”, que via as provas como algo cujo único propósito era “foder” a sua vida social e que tinha raiva dos colegas, qualificando de “tormentoso” o simples ato de pisar na faculdade. Finda a leitura do texto, lamentei profundamente que a bendita prova da OAB não seja capaz de aferir a vocação dos candidatos. Ao jovem Lucas, se me fosse consentido, daria um conselho: não siga a advocacia. Por tudo o que li, tenho a certeza de que nela você poderá até ficar rico, mas muito dificilmente conseguirá ser feliz!

quarta-feira, 13 de dezembro de 2017

Direitos Humanos em debate na cidade de Caruaru

Como parte das celebrações pelo Dia Mundial dos Direitos Humanos, comemorado em 10 de dezembro, será realizado, nesta quarta (13), o Seminário ‘Direitos Humanos Avanços e Retrocessos’. Será um encontro com especialistas do assunto, com lançamento de campanha e discussão de diversos temas relacionados. O evento faz parte da programação dos ‘15 Dias de Ativismo pelos Direitos Humanos’, promovido pela Prefeitura de Caruaru, através das secretarias de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos e de Políticas para Mulheres.

As atividades serão realizadas no Colégio Óbvio (antigo Atual), das 14h às 17h. A entrada é gratuita, com vagas limitadas e inscrições no local. Para mais informações, os telefones de contato são: 37011883 ou 37011884. Entre os palestrantes, estão os professores do Departamento de Educação da UFRPE, Hugo Monteiro Ferreira, e o doutor em História, Humberto Miranda, que irão fazer o lançamento da Campanha ‘UFRPE pelos Direitos Humanos’ e da Revista Cadernos de Ciências Sociais da universidade.

O professor José Almir do Nascimento, doutorando em educação pela UFPE, irá apresentar a palestra ‘Um Discurso de Qualidade: A Educação como Dispositivo de Proteção à Criança e ao Adolescente’. A secretária executiva de Direitos Humanos de Caruaru, Ana Dourado, que é também doutora em Teoria da Literatura, irá explanar sobre o tema: ‘Infância e Errância na Literatura do Século XIX - Diálogos Interdisciplinares sobre a Circulação de Crianças e Adolescentes nos Centros Urbanos’.

Programação Completa:

Seminário Direitos Humanos Avanços e Retrocessos

Data: 13 de dezembro de 2017, como parte da programação dos 15 dias de ativismo pelos Direitos Humanos

Local: Colégio Óbvio (antigo Colégio Atual)

Horário: 14:00- 17:00 hs)

14:00 hs - Mesa de Abertura - 15 dias de ativismo em celebração do dia mundial dos direitos humanos (representantes das Secretarias de Políticas para as Mulheres, Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos e Secretaria de Educação)

14:30 hs - Lançamento da Campanha UFRPE pelos Direitos Humanos – iniciativa que tem o objetivo de sensibilizar a comunidade universitária e a sociedade para temas relacionados aos direitos humanos – Exibição de vídeos e explanação com comentários pelo Professor Hugo Monteiro Ferreira, professor do departamento de educação da UFRPE

(Mediação de Karinny Oliveira, Coordenadora do Centro de Referência da Mulher Maria Bonita, da Secretaria de Políticas das Mulheres)

15:00 hs - Apresentação de artigos da Revista Cadernos de Ciências Sociais da UFRPE - Dossiê: infâncias, direitos e educação - entre o passado e o presente - apresentação do editorial pelo professor Humberto Miranda, doutor em História, professor do departamento de educação da UFRPE

15:20 hs “Um Discurso de Qualidade: A Educação como Dispositivo de Proteção à Criança e ao Adolescente” – professor José Almir do Nascimento, doutorando em educação pela UFPE.

15:40 hs “Infância, Violência na Escola: Diálogos e Contextos” – Hugo Monteiro Ferreira, professor do departamento de educação da UFRPE

16:00 hs “Infância e Errância na Literatura do Século XIX - Diálogos Interdisciplinares sobre a Circulação de Crianças e Adolescentes nos Centros Urbanos” - Ana Cristina Dubeux Dourado – Doutora em Teoria da Literatura, Secretária Executiva de Direitos Humanos de Caruaru.

16:20 hs - Debate

17:00 hs - Encerramento

link para a Revista:




Realização: Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos e Secretaria de Políticas para as Mulheres. Informações pelo telefone: 37011883 ou 37011884

Secretaria de Direitos Humanos de Caruaru