quinta-feira, 1 de setembro de 2016

Avicultura muda vida de agricultores de Vila de Pau Santo em Caruaru

Os agricultores familiares da Vila de Pau Santo, em Caruaru, comemoram a virada alcançada com a implantação de uma agroindústria para criação, beneficiamento e comercialização de galinha de caipira. O projeto conta com o incentivo do Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), órgão vinculado à Secretaria de Agricultura e Reforma Agrária (SARA). 
De acordo com a Associação da Comunidade Pau Santo, para se ter uma ideia do sucesso, o número de criadores saiu de dois para 79.  Segundo a Associação, a produção mensal chega a 35 mil quilos. 
O produto tem venda garantida para os programas de Aquisição de Alimentos (PAA) e Nacional de Alimentação Escolar (PNAE). Apenas para o PNAE, as vendas somam R$ 800 mil reais anuais, sendo 80% vindos das aves.
 “A iniciativa impulsionou a geração de renda, transformando a realidade dessa comunidade, que sobrevivia de plantio de hortaliças e pequenas criações”, explica o extensionista do IPA, Fabio Cesar. 
Nesse sentido, o IPA promoveu capacitações e prestou serviço de assistência técnica, viabilizando a elaboração de projetos para obtenção de credito rural. “O IPA nos apoia, promovendo cursos e viabilizando a nossa participação nas políticas públicas. 
Além disso, intermedia a negociação com os governos municipal, estadual e federal”, afirma Daniel Severino da Silva, presidente da Associação Comunitária de Pau Santo. 
O trabalho do IPA também contribuiu para ampliar as instalações, culminando com a construção de um abatedouro. Isso possibilitou a criação da agroindústria e a melhoria de vida. “Hoje você vê as pessoas com carro, moto, comprando ou ajeitando as casas”, conta Silva. 
Instituto Agronômico de Pernambuco

Nenhum comentário:

Postar um comentário